Implantes dentários: quem pode realizar o procedimento?

Implantes dentários: quem pode fazer

Perdeu um dente? Situação desconfortável, não é mesmo? Mas calma! Implantes odontológicos podem ser a solução desse problema! Geralmente, são por implantes dentários que alguém procura quando ocorre uma situação como essa. Com certeza, neste momento, a sua maior vontade é colocar esse tipo de prótese para voltar a sorrir e evitar problemas bucais que podem surgir com a falta de um ou mais dentes. Mas será que qualquer pessoa pode realizar esse tipo de procedimento? Continue a leitura e descubra se você se encaixa nos pré-requisitos e no perfil necessário para ter um implante dentário.

Sim! O implante pode ser a melhor escolha para ter o seu sorriso de volta. Para receber o implante, o paciente deve apresentar boas condições gerais de saúde, ter gengivas saudáveis, possuir bons hábitos de higiene bucal e possuir espessura e altura ósseas adequadas. A idade mínima para fazer o procedimento é de 18 anos, com isso desmistificamos a afirmativa de que apenas idosos podem se beneficiar de um implante dentário. Afinal, qualquer pessoa pode ser vítima de algum tipo de acidente e ocasionar a perda de um ou mais dentes.

Entretanto, antes de optar pelo procedimento, o paciente terá que seguir um planejamento odontológico chamado de planejamento reverso, que consiste em adotar certos cuidados com a higiene e ficar ciente de todos os possíveis riscos. Após esse processo, o paciente consegue receber o seu implante sem possíveis sustos ou problemas.

Implantes dentários

O que são implantes dentários?

Usados para substituir um ou mais dentes, os implantes dentários são feitos de titânio, um elemento químico que possui características semelhantes às da hidroxiapatita, uma substância presente no nosso tecido ósseo. Com isso, as chances de rejeição após a colocação desse elemento são baixíssimas, porque o organismo não o considera como um corpo estranho. As células de defesa “enxergam” o titânio da mesma maneira que a hidroxiapatita.

Assim, a cicatrização é facilitada em um processo conhecido como osseointegração, ou seja, o osso se integra ao titânio de forma natural, tornando-se um único elemento.

Dessa forma, o medo que muitos pacientes tiveram um dia, de seu corpo rejeitar o implante dentário, não tem mais razão de existir. A única preocupação após o tratamento é seguir o protocolo no pós-operatório para que a cicatrização ocorra sem contratempos.

Quando não é possível realizar o procedimento?

Existem algumas condições que impedem o paciente de realizar o procedimento e ter um implante dentário. Conheça quais são elas a seguir:

● Pessoas diabéticas sem um tratamento adequado;
● Hipertensos não compensados;
● Pacientes com problemas cardíacos que não seguem o tratamento;
● Pessoas que usam algum tipo de medicamento que afeta a cicatrização óssea;
● Pacientes que fazem radioterapia;
● Paciente com pouca espessura óssea na área da colocação dos implantes.

A Neodent é a marca #1 de implantes dentários no Brasil! Já são mais de 28 anos de história oferecendo tecnologia, qualidade, humanidade e segurança para profissionais e, consequentemente, a seus pacientes. Por priorizarmos materiais de primeira linha e a educação de nossos especialistas em implantes dentais, nosso foco é trazer um tratamento humanizado, o que garante a qualidade e permite que o paciente saia do consultório com saúde e autoestima renovadas. Não podemos esquecer da garantia vitalícia que você tem em todos os produtos Neodent.

Na Neodent temos um enorme portfólio, sendo possível, assim, auxiliar e solucionar os mais diferentes tipos de problemas existentes quando o assunto é implantodontia. Além disso, acompanhamos e prestamos suporte aos profissionais parceiros. Volte a sorrir com a Neodent, com certeza tem um profissional pertinho de você.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima